Seguidores

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Tu





"Então me vens e me chega e me invades e me tomas e me pedes e me perdes e te derramas sobre mim com teus olhos sempre fugitivos e abres a boca para libertar novas histórias e outra vez me completo assim, sem urgências, e me concentro inteiro nas coisas que me contas, e assim calado, e assim submisso, te mastigo dentro de mim enquanto me apunhalas com lenta delicadeza deixando claro em cada promessa que jamais será cumprida, que nada devo esperar além dessa máscara colorida, que me queres assim porque assim que és..."

Caio Fernando de Abreu



O belo da vida!

Beijo

Túlia

4 comentários:

LUZ disse...

Olá, querida Túlia!

Suponho que és portuguesa, ou não?

Comentar Caio não é fácil, embora, eu perceba tudo o que ele nos quer dizer, penso eu.

Pois é, é assim a beleza do amor. Chega, rodeia, abraça, beija, enlaça e pronto, está o "presente" entregue, entornado.
Mas, que "seja eterno, enquanto dure", já dizia o poeta.
Mesmo com máscara, nós agradecemos e gostamos.

Obrigada pelo teu comentário.
Beijos da Luz, com estima.

Gracita disse...

Olá Túlia minha querida!
Caio sempre nos falando desse incrível sentimento. O tudo! É forte, poderoso e nos atiça a paixão. Querida como fiquei com a tua presença luminosa em meu cantinho. Beijinhos de estrelas
Gracita

A.S. disse...

Belissimo texto...


Beijos,
AL

✿ chica disse...

Que lindo texto nos trouxeste! beijos,linda semana,tudo de bom,chica